DryColors

[Concluído]  [GT 04]P-47D Ten Cel Nero Moura - Academy - 1/72

Moderadores: Della Coletta, cesar2b, Hartmann, Moderadores GT

Avatar do usuário
philip
Conselheiro
Mensagens: 1609
Registrado em: 04 Jun 2012, 12:58
Nome: Luiz Felipe Mattos
Localização: Porto Alegre - RS
Contato:
 
Troféus:
GT 00 - Viva a Liberdade - Montagem: MB 326 - Italeri - 1/72 GT 03 - P-51 Mustang - Montagem: P-51C "Red Tails" - Academy - 1/72 GT 04 - Aviação Militar Brasileira - Montagem: F-5E Tiger II - Hobby Boss - 1/72 GT 04 - Aviação Militar Brasileira - Montagem: P-47D Ten Cel Nero Moura - Academy - 1/72 GT 11 - Maquinas Voadoras Russas - Montagem: MiG-15 bis - Airfix - 1/72 GT 12 - Navy - Montagem: F4U-1 Corsair "Jolly Rogers" - Academy - 1/72

P-47D Ten Cel Nero Moura - Academy - 1/72

Mensagempor philip » 03 Abr 2013, 21:05

Imagem

Senhores, estou começando mais uma montagem, em breve postarei mais detalhes.

Avatar do usuário
Andre L B Ferro
Super Membro
Mensagens: 8637
Registrado em: 08 Jun 2012, 12:17
Nome: Andre Ferro
Localização: Santos/SP - BRASIL
Contato:
 
Troféus:
GT 00 - Viva a Liberdade - Montagem: Arado Ar-196 A2/A3  - Airfix - 1/72 GT 02 - F4 Phantom - Montagem: Phantom F4-J da USNavy - Monogram - 1/72 GT 03 - P-51 Mustang - Montagem: P-51D "Tuskegee Airmen" - Academy - 1/72 GT 04 - Aviação Militar Brasileira - Montagem: F5E "4865" da 1°/14° GAV Base de Canoas - Italeri - 1/72 GT 04 - Aviação Militar Brasileira - Montagem: Mirage III EBR - HTC+Heller - 1/72 GT 04 - Aviação Militar Brasileira - Montagem: F-80C "Esq. PACAU" - Airfix - 1/72 GT 04 - Aviação Militar Brasileira - Montagem: MB-326/AT-26 Xavante da FAB - 1:72 - Italeri GT 04 - Aviação Militar Brasileira - Montagem: P-47D da FAB "A4" - Academy - 1/72 GT 09 - Century Series - Montagem: F-104G Starfighter WTD 61 "Last Flight" - AMT - 1/72 GT 11 - Maquinas Voadoras Russas - Montagem: Mig-21MF 'Fishbed J' - Academy - 1/48 GT 11 - Maquinas Voadoras Russas - Montagem: Mig-15 UTI Alemanha Oriental - KP - 1/72 GT 11 - Maquinas Voadoras Russas - Montagem: Mig-29 "Fulcrum" - Italeri - 1/72 GT 11 - Maquinas Voadoras Russas - Montagem: LaGG-3 Series 1-4 - 1/48 - ICM GT 12 - Navy - Montagem: Mitsubishi A6M5 Zero - Academy - 1/72 GT 12 - Navy - Montagem: Grumman F6F5 "Hellcat" USNavy - Hobbyboss - 1/72 GT 12 - Navy - Montagem: F4F-4 Wildcat - Hobbyboss - 1/72 GT 16 - Debaixo D'agua - Montagem: U-Boat type IXB - Hobbyboss - 1/700 GT 19 - Israeli Air Force - IAF - Montagem: F-16A "Netz" - Airfix - 1/72 GT 19 - Israeli Air Force - IAF - Montagem: IAI Kfir C7 - Italeri - 1/72 GT 21 - Capturados - Montagem: A6M2 Zero - Hasegawa - 1/72 - Capturado pelos Americanos GT 22 - Helicópteros - Montagem: Kamov Ka-27 - Zvezda - 1/72 GT 24 - Batalha da Inglaterra - Montagem: Hawker Hurricane Mk I - Airfix - 1/48 GT 25 - Rivais Históricos - Montagem: F-86F Sabre (Academy - 1/72) X Mig-15Bis (Tamiya - 1/48) GT 32 - Tornado - Montagem: Tornado IDS Marineflieger - 1/72 - Italeri GT 36 - Marines - Montagem: Mc Donnell Douglas F/A-18A Hornet - AMT - 1/72 GT 38 - Luftwaffe - Montagem: Ju-87G Stuka "Tank Buster" - Academy - 1/72 GT 40 - Royal Air Force (RAF) - Montagem: Hawker Tempest V - Academy - 1/72 GT 46 - Guerra ao Terror - Montagem: A7-E Corsair II - Hobby Boss - 1/72 GT 46 - Guerra ao Terror - Montagem: Hawker Siddley Buccaneer S2B - Operação Desert Storm - 1/72 - Airfix GT 49 - Pinturas e Camuflagens 'What if?' - Montagem: Mig-21 Força Aérea Portuguesa - 1/72 - Hasegawa GT 53 - Pacific - Montagem: Aichi D3A1 "VAL" - Airfix - 1/72
 
GTs em Andamento:
GT 11 - Maquinas Voadoras Russas - Montagem: Hawker Hurricane MkIIb - Revell - 1/72 GT 29 - Bombardeiros - Montagem: B-24J Liberator "The Dragon & his tail" - Academy/MiniCraft  - 1/72 GT 35 - Stealth (Modo Furtivo) - Montagem: F117A Stealth - Academy - 1/72 GT 38 - Luftwaffe - Montagem: Junkers Ju-52 "Tante Ju" - Italeri - 1/72 GT 38 - Luftwaffe - Montagem: Messerschmitt Bf-110 C/D - 1/72 - Fujimi GT 38 - Luftwaffe - Montagem: Junkers Ju-88A-4 - Airfix - 1/72 GT 40 - Royal Air Force (RAF) - Montagem: BAe Harrier Mk3 "Falklands" - Italeri - 1/72 GT 40 - Royal Air Force (RAF) - Montagem: EE Lightning F2A - Airfix - 1/72 GT 46 - Guerra ao Terror - Montagem: Panavia Tornado IDS Desert Storm - 1/72 - Italeri GT 47 - Vietnam War - Montagem: Mig-21PFM - 1/48 - Eduard (profipack) GT 47 - Vietnam War - Montagem: F-105G Thunderchief 'Wild Weasel' - Hobyboss - 1/48 GT 47 - Vietnam War - Montagem: Mig-17F Fresco C - 1/48 - Hobby Boss GT 47 - Vietnam War - Montagem: Douglas A-1J Skyraider USAF  - 1/48 - Tamiya GT 47 - Vietnam War - Montagem: F-4C Phantom - 1/48 - Monogram GT 49 - Pinturas e Camuflagens 'What if?' - Montagem: F/A-18E Super Hornet Marinha do Brasil - Italeri - 1/72 GT 49 - Pinturas e Camuflagens 'What if?' - Montagem: [GT 49] Saab JAS 39 Gripen - FAB - Italeri - 1/72 GT 49 - Pinturas e Camuflagens 'What if?' - Montagem: Dassault Rafale C - 1/72 - Hobby Boss GT 50 - The Fifties - Montagem: [GT 50] F-84E/G Thunderjet - Academy - 1/72 GT 53 - Pacific - Montagem: Curtiss SB2C Helldiver - Airfix - 1/72 GT 55 - Harrier - Montagem: AV-8A Harrier 'Matador' - Airfix 1/72 GT 57 - BF-109 Aces - Montagem: Bf-109G-14 - Academy - 1/48 GT 58 - Aces High - Montagem: P-47D (Francis Gabresski) - Revel/Estrela - 1/48 GT 61 - Anos 60 - Montagem: Douglas RB-66B 'Destroyer' - Italeri - 1:72 GT 62 - Vought F4 Corsair - Montagem: F4U Corsair - Armada Argentina - Academy - 1/48 GT 65 - F-14 Tomcat - Montagem: F-14A Jolly Rogers - Academy - 1/72 GT 69 - Piores Goiabas Possíveis - Montagem: De Havilland SEA VIXEN F.A.W. 2 - Eastern Express - 1/72 GT 73 - F-16 Viper - Montagem: F-16B 'Europe One' Camo - ESCi - 1/72

Re: P-47D Ten Cel Nero Moura - Academy - 1/72

Mensagempor Andre L B Ferro » 03 Abr 2013, 21:12

Imagem

hehehe com o set de decais e tudo!!! :clap: :clap: :clap: :clap:
Abçs
André

No momento a Bancada está ......

Imagem

Avatar do usuário
philip
Conselheiro
Mensagens: 1609
Registrado em: 04 Jun 2012, 12:58
Nome: Luiz Felipe Mattos
Localização: Porto Alegre - RS
Contato:
 
Troféus:
GT 00 - Viva a Liberdade - Montagem: MB 326 - Italeri - 1/72 GT 03 - P-51 Mustang - Montagem: P-51C "Red Tails" - Academy - 1/72 GT 04 - Aviação Militar Brasileira - Montagem: F-5E Tiger II - Hobby Boss - 1/72 GT 04 - Aviação Militar Brasileira - Montagem: P-47D Ten Cel Nero Moura - Academy - 1/72 GT 11 - Maquinas Voadoras Russas - Montagem: MiG-15 bis - Airfix - 1/72 GT 12 - Navy - Montagem: F4U-1 Corsair "Jolly Rogers" - Academy - 1/72

Re: P-47D Ten Cel Nero Moura - Academy - 1/72

Mensagempor philip » 03 Abr 2013, 22:10

Andre L B Ferro escreveu:Imagem

hehehe com o set de decais e tudo!!! :clap: :clap: :clap: :clap:


salve! :saudacao:
aquele set vai render vááááários aviões!!! vou usar todos os decais... até o último para aproveitar bem! :mrgreen:
brincadeira, é que quero montar vários da FAB, incluindo alguns pós guerra...

Avatar do usuário
philip
Conselheiro
Mensagens: 1609
Registrado em: 04 Jun 2012, 12:58
Nome: Luiz Felipe Mattos
Localização: Porto Alegre - RS
Contato:
 
Troféus:
GT 00 - Viva a Liberdade - Montagem: MB 326 - Italeri - 1/72 GT 03 - P-51 Mustang - Montagem: P-51C "Red Tails" - Academy - 1/72 GT 04 - Aviação Militar Brasileira - Montagem: F-5E Tiger II - Hobby Boss - 1/72 GT 04 - Aviação Militar Brasileira - Montagem: P-47D Ten Cel Nero Moura - Academy - 1/72 GT 11 - Maquinas Voadoras Russas - Montagem: MiG-15 bis - Airfix - 1/72 GT 12 - Navy - Montagem: F4U-1 Corsair "Jolly Rogers" - Academy - 1/72

Re: P-47D Ten Cel Nero Moura - Academy - 1/72

Mensagempor philip » 06 Abr 2013, 14:33

Imagem

O Brasil entrou na briga no final da 2ª GM, como todos já sabem, após de "supostos" submarinos alemães terem afudado navios mercantes em território brasileiro.

A atuação de brasileiros deu-se principalmente na Itália e o 1º GAvCa estava presente em missões principalmente de ataque à terra utilizando os robustos P-47.

O P-47 tem ligação com o Brasil antes de ele entrar na guerra. :pensando: (sacaram) (será que não tem dedo americano aí?)

Antes do início nos combates na Itália, a Força Aérea Brasileira recebeu um único P-47B, já redesignado RP-47B-RE, a aeronave de número 41-6037 (matrícula FAB 4103), que chegou a Natal em 16 de outubro de 1944 trazida em vôo dos Estados Unidos pelo 2° Ten. Av. Moacyr Domingues. Foi, portanto, o primeiro P-47 a entrar em serviço na FAB. De Natal foi levada, pelo mesmo piloto, ao Campo dos Afonsos onde permaneceu até 15 de dezembro quando foi levada pelo 1° Ten. Av. José Eduardo Magalhães Motta para a Base Aérea de Cumbica, sendo entregue ao 1° Grupo Misto de Instrução, unidade incumbida da formação dos alunos matriculados na Escola Técnica de Aviação.

iiii, acho que o cara é parente do Motta. hehehe :mrgreen:

O 1° GAvCa recebeu seus primeiros P-47D Thunderbolt já na Itália, no Campo de Tarquínia, sua primeira base de operações.

Imagem

No início das operações, 31 deles estavam em poder do 1° GAvCa enquanto outras prováveis 36 remanescentes estariam armazenadas no AAFSC/MTO, próximo a Nápoles. Essas aeronaves remanescentes eram liberadas apenas para substituir perdas operacionais, sendo que algumas delas nunca chegaram às mãos do grupo, sendo realocadas para outros esquadrões da USAAF e posteriormente repostas com outras do estoque norteamericano. Durante os 148 dias de operações, o 1° GAvCa utilizou 48 P-47D Thunderbolt, nas versões 25-RE, 27-RE, 28-RA, 28-RE e 30-RE.

Major John W. Buyers - Oficial de ligação entre a FAB e a USAAF.
Imagem

Há uma discussão em torno do número exato de caças P-47D Thunderbolt destinados à FAB na Itália. Fontes diferentes muito provavelmente citarão números diferentes. É bem provável que essa diferença tenha sido gerada pelo número de aeronaves originalmente disponibilizadas para o 1º GAvCa no depósito em Nápoles, mas que acabaram sendo desviadas para outras forças aliadas. Há casos comprovados, inclusive fotograficamente, de Thunderbolts já pintados com as cores e marcas da FAB mas que nunca chegaram às mãos desta, chegando a unidades da USAAF ainda com as mesmas insígnias.

Quando se olha a listagem dos números de série e subtipos dos P-47D destinados à FAB na Itália conclui-se, a princípio, que o 1º GAvCa teve:

75 P-47D que, em algum momento, lhe foram destinados, dos quais.
27 P-47D foram desviados para outras unidades aliadas
48 P-47D foram utilizados em combate, dos quais:
16 foram abatidos em combate.
07 foram perdidos em acidentes.
25 foram trazidos para o Brasil após a guerra.

Porém, ao final da guerra, o Brasil tinha ainda um crédito de 19 aeronaves no depósito em Nápoles (trocadas por aeronaves mais novas que vieram em vôo dos EUA), o que somado ao número de 48 utilizadas pelo grupo nos dá um outro total de 67 aeronaves.

Talvez (e eu disse "talvez" :mrgreen: ) esta diferença signifique que o número de 67 aeronaves representa o crédito total de aeronaves cedidas pelos EUA ao Brasil, enquanto o número de 75 aeronaves representa o número total de P-47 que, dados os desvios e reposições, pertenceram a este conjunto em algum momento.


Durante a campanha, algumas modificações foram executadas nos Thunderbolt do 1° GAvCa. Uma das mais controversas foi, certamente, a instalação dos lançadores triplos para foguetes M8A2, de 4.5 polegadas. A intenção era fornecer maior poder de fogo contra veículos blindados e fortificações.

Veja na foto abaixo os lançadores triplos
Imagem


Uma das primeiras aeronaves a sofrer as necessárias modificações na cabine, na instalação elétrica e na parte inferior das asas para receber o lançador triplo foi o P-47-25-RA n° 42-26786 "1", do Maj. Av. Nero Moura, sendo que a última foi o P-47D-27-RE n° 42-26786 "D4", do Ten. Av. Rui Moreira Lima.

Imagem

De eficiência altamente questionável, o lançador triplo foi mais um estorvo do que uma arma eficaz. As aletas de direcionamento dos foguetes M8A2 abriam-se em momentos distintos, causando uma trajetória helicoidal e prejudicando sua precisão. Além do que, o tubo de lançamento causava grande arrasto aerodinâmico. Em pouco tempo, os pilotos do 1° GAvCa passaram a ter verdadeira aversão a essa arma e sua quase inexistente eficiência, já que expunham-se ao risco de serem abatidos ao utilizar uma arma que dificilmente cumpriria seu papel.

O avião que representarei é o 1 do Ten. Cel. Nero Moura

Nero Moura com seu avião
Imagem

Nero moura em um brieffing de missão
Imagem

Avião 1 FAB 226450
Imagem

no detalhe à esquerda, um membro da equipe de terra faz ajustes nos "drop tanks", notem que o avião possui 3, o que aumenta muito o arrasto do avião, dificultando um pouco as manobras e velocidade, mas em compensação, dava mais autonomia de voo, excencial às missões de bombardeio.

Aqui o cocar que estampa o modelo em questão
Imagem

Avatar do usuário
Paulão - Tchwrma
Super Membro
Mensagens: 1757
Registrado em: 04 Jun 2012, 20:01
Nome: Paulo Ricardo Pereira
Localização: Porto Alegre - RS

Re: P-47D Ten Cel Nero Moura - Academy - 1/72

Mensagempor Paulão - Tchwrma » 06 Abr 2013, 16:05

Grande introdução, Phillip! Eu tenho um desses parado há alguns anos, práticamente na hora da tinta...Tambem do Nero. Só que o meu é um pouquinho maior....1/32...

Boa montagem, gurí! :thumbup:
abraços,
Paulão.
------------------------------
"Embora ninguém possa voltar atrás e fazer um novo começo, qualquer um pode começar agora e fazer um novo fim" - Emmanuel

Avatar do usuário
philip
Conselheiro
Mensagens: 1609
Registrado em: 04 Jun 2012, 12:58
Nome: Luiz Felipe Mattos
Localização: Porto Alegre - RS
Contato:
 
Troféus:
GT 00 - Viva a Liberdade - Montagem: MB 326 - Italeri - 1/72 GT 03 - P-51 Mustang - Montagem: P-51C "Red Tails" - Academy - 1/72 GT 04 - Aviação Militar Brasileira - Montagem: F-5E Tiger II - Hobby Boss - 1/72 GT 04 - Aviação Militar Brasileira - Montagem: P-47D Ten Cel Nero Moura - Academy - 1/72 GT 11 - Maquinas Voadoras Russas - Montagem: MiG-15 bis - Airfix - 1/72 GT 12 - Navy - Montagem: F4U-1 Corsair "Jolly Rogers" - Academy - 1/72

Re: P-47D Ten Cel Nero Moura - Academy - 1/72

Mensagempor philip » 06 Abr 2013, 16:09

philip escreveu:Imagem

O Brasil entrou na briga no final da 2ª GM, como todos já sabem, após de "supostos" submarinos alemães terem afudado navios mercantes em território brasileiro.

A atuação de brasileiros deu-se principalmente na Itália e o 1º GAvCa estava presente em missões principalmente de ataque à terra utilizando os robustos P-47.

O P-47 tem ligação com o Brasil antes de ele entrar na guerra. :pensando: (sacaram) (será que não tem dedo americano aí?)

Antes do início nos combates na Itália, a Força Aérea Brasileira recebeu um único P-47B, já redesignado RP-47B-RE, a aeronave de número 41-6037 (matrícula FAB 4103), que chegou a Natal em 16 de outubro de 1944 trazida em vôo dos Estados Unidos pelo 2° Ten. Av. Moacyr Domingues. Foi, portanto, o primeiro P-47 a entrar em serviço na FAB. De Natal foi levada, pelo mesmo piloto, ao Campo dos Afonsos onde permaneceu até 15 de dezembro quando foi levada pelo 1° Ten. Av. José Eduardo Magalhães Motta para a Base Aérea de Cumbica, sendo entregue ao 1° Grupo Misto de Instrução, unidade incumbida da formação dos alunos matriculados na Escola Técnica de Aviação.

iiii, acho que o cara é parente do Motta. hehehe :mrgreen:

O 1° GAvCa recebeu seus primeiros P-47D Thunderbolt já na Itália, no Campo de Tarquínia, sua primeira base de operações.

Imagem

No início das operações, 31 deles estavam em poder do 1° GAvCa enquanto outras prováveis 36 remanescentes estariam armazenadas no AAFSC/MTO, próximo a Nápoles. Essas aeronaves remanescentes eram liberadas apenas para substituir perdas operacionais, sendo que algumas delas nunca chegaram às mãos do grupo, sendo realocadas para outros esquadrões da USAAF e posteriormente repostas com outras do estoque norteamericano. Durante os 148 dias de operações, o 1° GAvCa utilizou 48 P-47D Thunderbolt, nas versões 25-RE, 27-RE, 28-RA, 28-RE e 30-RE.

Major John W. Buyers - Oficial de ligação entre a FAB e a USAAF.
Imagem

Há uma discussão em torno do número exato de caças P-47D Thunderbolt destinados à FAB na Itália. Fontes diferentes muito provavelmente citarão números diferentes. É bem provável que essa diferença tenha sido gerada pelo número de aeronaves originalmente disponibilizadas para o 1º GAvCa no depósito em Nápoles, mas que acabaram sendo desviadas para outras forças aliadas. Há casos comprovados, inclusive fotograficamente, de Thunderbolts já pintados com as cores e marcas da FAB mas que nunca chegaram às mãos desta, chegando a unidades da USAAF ainda com as mesmas insígnias.

Quando se olha a listagem dos números de série e subtipos dos P-47D destinados à FAB na Itália conclui-se, a princípio, que o 1º GAvCa teve:

75 P-47D que, em algum momento, lhe foram destinados, dos quais.
27 P-47D foram desviados para outras unidades aliadas
48 P-47D foram utilizados em combate, dos quais:
16 foram abatidos em combate.
07 foram perdidos em acidentes.
25 foram trazidos para o Brasil após a guerra.

Porém, ao final da guerra, o Brasil tinha ainda um crédito de 19 aeronaves no depósito em Nápoles (trocadas por aeronaves mais novas que vieram em vôo dos EUA), o que somado ao número de 48 utilizadas pelo grupo nos dá um outro total de 67 aeronaves.

Talvez (e eu disse "talvez" :mrgreen: ) esta diferença signifique que o número de 67 aeronaves representa o crédito total de aeronaves cedidas pelos EUA ao Brasil, enquanto o número de 75 aeronaves representa o número total de P-47 que, dados os desvios e reposições, pertenceram a este conjunto em algum momento.


Durante a campanha, algumas modificações foram executadas nos Thunderbolt do 1° GAvCa. Uma das mais controversas foi, certamente, a instalação dos lançadores triplos para foguetes M8A2, de 4.5 polegadas. A intenção era fornecer maior poder de fogo contra veículos blindados e fortificações.

Veja na foto abaixo os lançadores triplos
Imagem


Uma das primeiras aeronaves a sofrer as necessárias modificações na cabine, na instalação elétrica e na parte inferior das asas para receber o lançador triplo foi o P-47-25-RA n° 42-26786 "1", do Maj. Av. Nero Moura, sendo que a última foi o P-47D-27-RE n° 42-26786 "D4", do Ten. Av. Rui Moreira Lima.

Imagem

De eficiência altamente questionável, o lançador triplo foi mais um estorvo do que uma arma eficaz. As aletas de direcionamento dos foguetes M8A2 abriam-se em momentos distintos, causando uma trajetória helicoidal e prejudicando sua precisão. Além do que, o tubo de lançamento causava grande arrasto aerodinâmico. Em pouco tempo, os pilotos do 1° GAvCa passaram a ter verdadeira aversão a essa arma e sua quase inexistente eficiência, já que expunham-se ao risco de serem abatidos ao utilizar uma arma que dificilmente cumpriria seu papel.

O avião que representarei é o 1 do Ten. Cel. Nero Moura

Nero Moura com seu avião
Imagem

Nero moura em um brieffing de missão
Imagem

Avião 1 FAB 226450
Imagem

no detalhe à esquerda, um membro da equipe de terra faz ajustes nos "drop tanks", notem que o avião possui 3, o que aumenta muito o arrasto do avião, dificultando um pouco as manobras e velocidade, mas em compensação, dava mais autonomia de voo, excencial às missões de bombardeio.

Aqui o cocar que estampa o modelo em questão
Imagem

Avatar do usuário
philip
Conselheiro
Mensagens: 1609
Registrado em: 04 Jun 2012, 12:58
Nome: Luiz Felipe Mattos
Localização: Porto Alegre - RS
Contato:
 
Troféus:
GT 00 - Viva a Liberdade - Montagem: MB 326 - Italeri - 1/72 GT 03 - P-51 Mustang - Montagem: P-51C "Red Tails" - Academy - 1/72 GT 04 - Aviação Militar Brasileira - Montagem: F-5E Tiger II - Hobby Boss - 1/72 GT 04 - Aviação Militar Brasileira - Montagem: P-47D Ten Cel Nero Moura - Academy - 1/72 GT 11 - Maquinas Voadoras Russas - Montagem: MiG-15 bis - Airfix - 1/72 GT 12 - Navy - Montagem: F4U-1 Corsair "Jolly Rogers" - Academy - 1/72

Re: P-47D Ten Cel Nero Moura - Academy - 1/72

Mensagempor philip » 06 Abr 2013, 16:14

Paulão - Tchwrma escreveu:Grande introdução, Phillip! Eu tenho um desses parado há alguns anos, práticamente na hora da tinta...Tambem do Nero. Só que o meu é um pouquinho maior....1/32...

Boa montagem, gurí! :thumbup:


Opa! saudações Mestre Paulão! Obrigado pela visita.
1/32.... :pensando: um pouquinho maior? acho que meu modelo vai ser do tamanho da roda desse que você vai montar! :rir_muito:

Avatar do usuário
thiago_tomcather
Super Membro
Mensagens: 1670
Registrado em: 22 Set 2012, 22:58
Nome: Thiago de Oliveira Bernardino
Localização: Marília - SP
Contato:
 
Troféus:
GT 00 - Viva a Liberdade - Montagem: F-14A Tomcat Force One GT 07 - Amigo Secreto - Montagem: Sikorsky CH-54 Skycrane - Revell - 1/72 (2012) GT 07 - Amigo Secreto - Montagem: MIG 27 Flogger-D - Academy 1/72 (2012) GT 11 - Maquinas Voadoras Russas - Montagem: MIG-21 Fishbed - Academy  - 1/72 GT 11 - Maquinas Voadoras Russas - Montagem: MIG-3 - Trumpeter - 1/48 GT 11 - Maquinas Voadoras Russas - Montagem: Mil-24D - Revell - 1/48 GT 12 - Navy - Montagem: F-14A Tomcat - Italeri - 1/48 GT 12 - Navy - Montagem: EA-18G - Italeri - 1/48 GT 12 - Navy - Montagem: F-14A Tomcat "VFA-142 Ghostriders 1975" - Academy - 1/72 GT 12 - Navy - Montagem: A-6E Intruder - Tamiya - 1/72 GT 12 - Navy - Montagem: F-14A Tomcat "VF-111 Sundowners" - HobbyBoss - 1/72 GT 12 - Navy - Montagem: Grumman F-14A Tomcat "VF-1 Wolfpack" - Academy - 1/72

Re: P-47D Ten Cel Nero Moura - Academy - 1/72

Mensagempor thiago_tomcather » 06 Abr 2013, 16:25

Fala Phil! Gostei muito da história, bem detalhada!

Manda bala nesse Thunderbolt aí! Vou comprar um pra fazer com as cores brazucas também, só que na 1/48 ;)

Abração
Semper Fi.

Avatar do usuário
philip
Conselheiro
Mensagens: 1609
Registrado em: 04 Jun 2012, 12:58
Nome: Luiz Felipe Mattos
Localização: Porto Alegre - RS
Contato:
 
Troféus:
GT 00 - Viva a Liberdade - Montagem: MB 326 - Italeri - 1/72 GT 03 - P-51 Mustang - Montagem: P-51C "Red Tails" - Academy - 1/72 GT 04 - Aviação Militar Brasileira - Montagem: F-5E Tiger II - Hobby Boss - 1/72 GT 04 - Aviação Militar Brasileira - Montagem: P-47D Ten Cel Nero Moura - Academy - 1/72 GT 11 - Maquinas Voadoras Russas - Montagem: MiG-15 bis - Airfix - 1/72 GT 12 - Navy - Montagem: F4U-1 Corsair "Jolly Rogers" - Academy - 1/72

Re: P-47D Ten Cel Nero Moura - Academy - 1/72

Mensagempor philip » 06 Abr 2013, 16:46

thiago_tomcather escreveu:Fala Phil! Gostei muito da história, bem detalhada!

Manda bala nesse Thunderbolt aí! Vou comprar um pra fazer com as cores brazucas também, só que na 1/48 ;)

Abração

Salve! obrigado cara!
vai ser bem maior que esse.. fica eu com 1/72, você na 1/48 e u Big Paul na 1/32... :lol:

temos que colocar lado a lado. ehhehe

já sabe quem vai representar?
o segundo que irei representar é o C5 Ten. Pedro de Lima Mendes, o às da fotografia. :mrgreen:

estou agora finalizando o CP dele. logo teremos um pastel fechado... :bala:

Avatar do usuário
Fibonacci
Membro
Mensagens: 720
Registrado em: 14 Jun 2012, 13:43
Nome: Jair Bastos
Localização: Bocaiuva-MG, Brasil
Contato:
 
Troféus:
GT 11 - Maquinas Voadoras Russas - Montagem: X-55 & X-55M – Amodel – 1/72

Re: P-47D Ten Cel Nero Moura - Academy - 1/72

Mensagempor Fibonacci » 06 Abr 2013, 17:37

Acompanhando, Philip.
Se não estou enganado, a história da USAAF com o Brasil é bem anterior à declaração oficial de guerra.
Tem os P-36 utilizados para treinamento dos pilotos brasileiros.
E os P-40, que antecederam os P-47...
De várias maneiras, havia um alinhamento entre o Brasil e os EEUU, ainda que estes estivessem pensando em como canalizar nossas riquezas para lá. :pensando: :pensando: :pensando: :pensando:

Fato é que a guerra foi o "teste de campo" para os EEUU exercitarem a eficiência do seu parque industrial e tecnológico, além é claro, das estratégias militares e de propaganda.

Mas, voltando ao tópico, aguardo o andamento da montagem dessa máquina. :thumbup: :thumbup:
Fibonacci
_________________________________________________
[EM ANDAMENTO]: :arrow: Yak-17 (Як-17) Feather 1/72 :arrow: Hawker Sea Hawk 1/72

[CONCLUÍDO]: :arrow: X-55 & X-55M

"Se em tudo o mais forem idênticas as várias explicações de um fenômeno, a mais simples é a melhor".
(William de Ockham)


Voltar para “GT 04 - Aviação Militar Brasileira”

Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 0 visitante