DryColors

Polikarpov I-153 Chaika - Revell - 1:72

Moderadores: mvleonardo, Moderadores GT

Avatar do usuário
Eduardo_Correa
Membro
Mensagens: 252
Registrado em: 22 Ago 2017, 13:28
Nome: Eduardo Correa

Polikarpov I-153 Chaika - Revell - 1:72

Mensagempor Eduardo_Correa » 29 Dez 2017, 20:29

Olá a todos. Iniciando mais uma montagem. Meu sexto kit... Vamos a uma breve descrição do avião, extraída da Wikipédia.

O Polikarpov I-153 Chaika (Чайка, "Gaivota") foi um caça biplano soviético da década de 30. Desenvolvido como uma versão avançada do I-15 com um trem de pouso retrátil, o I-153 lutaram nos combates soviético-japonesas na Mongólia e foi um dos principais tipos de caça dos soviéticos nos primeiros anos da Segunda Guerra Mundial.

Em 1937, o departamento de design Polikarpov realizou estudos para melhorar o desempenho do seu I-15 e I-15bis caças biplanos sem sacrificar a capacidade de manobra, como doutrina tática soviética foi baseada em uma combinação de alto desempenho de caças monoplanos (atendidas pelo Polikarpov I-16) e biplanos ágeis.

Experiência de combate início da Guerra Civil Espanhola tinha mostrado que o I-16 teve problemas ao lidar com os Fiat CR.32biplanos italianos que apoiam os nacionalistas, que sugeriram a necessidade de continuar o uso de caças biplanos, e como resultado, as propostas de Polikarpov foram aceitas, e seu bureau de design foi instruído para projetar um novo caça biplano. Polikarpov atribuiu a tarefa para a equipe de design liderada por Aleksei Ya Shcherbakov, que foi assistido por Artem Mikoyan e Mikhail Gurevich (que mais tarde criou o MiG bureau de design).

O novo lutador (designado I-15ter pelo bureau de design e I-153 pelas Forças Aéreas Soviéticas) foi baseado de perto no projeto do I-15bis, com uma estrutura mais forte, mas foi equipado com um trem de pouso retrátil para reduzir o arrasto. Ele voltou a asa superior do original I-15 (que era tipo gaivota), mas usou o aerofólio Clark YH do I-15bis. As quatro 7,62 milímetros PV-1 metralhadoras do I-15bis foram substituídos por quatro ShKAS metralhadoras, que apesar do mesmo calibre, estas atiravam muito mais rápido do que as PV-1s, (1.800 tiros por minuto, em vez de 750 tiros por minuto), dando um maior peso de fogo. O novo caça seria alimentado por um Shvetsov M-62, um derivado melhorada do Shvetsov M-25 que impulsionou o 15bis I I-15 e com duplo compressor.

A aeronave era de metal misto e de construção de madeira, coberta com duralumínio e tecido. As asas do avião foram feitas de tecido coberto de madeira, enquanto as superfícies da cauda eram de tecido coberto de duralumínio. A aeronave estava equipada com um trem de pouso bequilha, com as rodas principais para trás, girando 90 graus para permanecer deitado nas raízes das asas, ser acionado por cabos operados por uma manivela pelo piloto.

O motor M-62 não estava pronto no momento em que o primeiro protótipo foi concluído, por isso foi equipado com um 750 hp (560 kW) motor M-25V quando ele fez seu vôo inaugural em agosto de 1938. O primeiro protótipo falhou devido a inúmeros defeitos, mas isso não impediu a produção, com a aeronave entrar em produção em simultâneo com testes e desenvolvimento em curso. Produção antecipada I-153S alimentado pelo teste de estado passou motor M25 durante 1939, apesar da perda de uma aeronave, que se desintegrou em uma manobra de mergulho de 500 km/h.

Em voos de teste, o I-153 (M-25) atingiu a velocidade máxima de 424 km/h, teto de 8.700 m (28.500 pés) de serviço, e exigiu seis minutos 24 segundo para atingir 5.000 m (16.404 pés). Este desempenho foi bem superior ao demonstrado pelo I-15bis. Durante 1939, a produção mudou para uma versão alimentada pela originalmente planejado M-62 do motor, com um teste com o M-62 em 16 de Junho de 1939. Enquanto a velocidade ao nível do mar era praticamente inalterada, o novo motor melhorou o desempenho em altitude. A velocidade de 443 km/h em 4.600 m (15.100 pés) foi gravada, com um teto de 9.800 m. Esse desempenho foi decepcionante, e causou a aeronave a falhar os testes de aceitação do estado, embora isso não interromper a produção. Embora tenha sido reconhecido que o desempenho do I-153 era inadequada, a exigência foi a de não interromper a produção até lutadores mais avançados poderia entrar em produção.

Enquanto foram propostas inúmeras melhorias, muitos estavam a ser implementado desde o avião já estava em produção. Desesperado para melhorar o desempenho, Polikarpov testados dois I-153 com a Shvetsov M-63 com motor de 820 kW (1.100 hp). No entanto, os resultados obtidos foram decepcionantes e tornava-se dolorosamente óbvio que a célula biplano era incapaz de velocidades mais elevadas. Uma das características do I-153, raramente mencionados foi seu fraco desempenho em rotação. Enquanto o Polikarpov I-16 ganhou notoriedade por entrar rodadas, os pilotos encontraram mais fácil para se recuperar de uma rodada.

Em contraste, enquanto que a I-153, era difícil de rodar, uma vez que perderam o controlo, a recuperação foi difícil para o ponto onde a fiação intencional foi proibido por algum tempo. Um procedimento de recuperação de spin foi finalmente desenvolvido, mas, ao mesmo tempo eficaz, que exigia tempo e execução impecável.

Até o fim da produção em 1941, um total de 3.437 I-153S foram construídos.

O I-153 entrou em combate em 1939 durante a Batalha de Khalkin Gol na Mongólia. As forças aéreas do exército japonês usavam caça Tipo 97 Nakajima Ki-27 Nate provou ser um oponente formidável para o I-15bis e I-16, mas foi mais equilibrado com 0 I-153, que manteve a agilidade inerente à biplanos enquanto caracterizando melhorado desempenho. Embora o desempenho geral I-153 foi satisfatório, alguns problemas significativos foram revelados.

O mais problemático foi a ausência de uma proteção anti-incêndio entre o tanque de combustível montado na frente do cockpit e do piloto. Combinado com o projeto de poços de roda, os incêndios do tanque de combustível, invariavelmente resultou em imersão rápida do cockpit e queimaduras graves para o piloto. Além disso, o motor M-62 sofreu uma vida de apenas 60-80 horas de serviço, devido a falhas de duas velocidades compressor.

Os expurgos de Stalin na década de 1930 resultou em um enorme atraso em aviões soviéticos no início da Segunda Guerra Mundial. Embora os novos Yakovlev Yak-1 e Lavochkin-Gorbunov-Gudkov LaGG-3 foram entrando em produção, em 22 de junho de 1941, a maior parte da VVS foi equipado com os projetos 1930 obsoletos, incluindo um grande número de I-153. [Ainda em 1942, tentativas de restabelecer a produção de I-153 e I-16 para preencher a falta de aviões de caça.

O Polikarpov I-153 nunca voou com quaisquer unidades da Força Aérea Republicana Espanhola durante ou depois da Guerra Civil Espanhola. Duas variantes anteriores desta aeronave, o I-15 e I-15bis, voou com a Força Aérea republicana durante o conflito e, mais tarde, os exemplos capturados de ambos os tipos foram usados ​​pela Força Aérea Franquista até o início dos anos 1950.

O kit:

Imagem

O kit, a princípio e por diversos reviews que li, é muito bom. Apresenta um bom nível de detalhes, apesar do tamanho e da escala.

São 50 partes que vem embrulhadas em um único bag, mas que tem a vantagem de ser colado e não lacrado.Imagem

Dentro encontramos dois sprues, mais um contendo a transparência que veio protegida.
ImagemImagem

As peças/sprues em mais detalhes.
ImagemImagem

Fiz esta foto para que se tenha uma ideia do tamanho do kit.

Imagem

Decais
Imagem

Manual vem em cores, muito legal. As cores são referenciadas apenas para as tintas Revell...
ImagemImagemImagemImagem

Bom, neste kit acredito que meus desafios estão relacionados ao acabamento em si. Pelo jeito terei que pintar a asa separado do resto e montar só depois de acabado. Além disso tem uns estais... Nunca fiz um, então terei que pesquisar. Sei que aqui tem umas montagens muito boas, vou usar como referência...

Enviado de meu Moto G (5) usando Tapatalk
Editado pela última vez por Eduardo_Correa em 29 Dez 2017, 20:29, em um total de 1 vez.

Avatar do usuário
Tiago Reis
Super Membro
Mensagens: 2121
Registrado em: 01 Set 2016, 13:34
Nome: Tiago Reis
Localização: Amparo/SP

Re: Polikarpov I-153 Chaika - Revell - 1:72

Mensagempor Tiago Reis » 29 Dez 2017, 22:15

Chegando pra acompanhar :thumbup:
Na Bancanda:
Mustang Shelby GT500 1967 - Planeta DeAgostini 1/8 = http://www.plastibrasil.com/viewtopic.php?f=77&t=10038
Ferrari F430 Novitec Rosso - Revell - 1/24 = viewtopic.php?f=207&t=10279
Shelby GT350H Racing - Revell - 1/24 = viewtopic.php?f=208&t=10390

Imagem

Avatar do usuário
Eduardo José
Membro
Mensagens: 178
Registrado em: 02 Fev 2017, 15:55
Nome: Eduardo José Franchini

Re: Polikarpov I-153 Chaika - Revell - 1:72

Mensagempor Eduardo José » 30 Dez 2017, 09:13

Não conhecia esse biplano soviético. Muito interessante. Apesar de pequeno, tem cara de que vai dar bastante trabalho (não sei se fica no "level três" não).
Boa montagem!

Avatar do usuário
Eduardo_Correa
Membro
Mensagens: 252
Registrado em: 22 Ago 2017, 13:28
Nome: Eduardo Correa

Re: RE: Re: Polikarpov I-153 Chaika - Revell - 1:72

Mensagempor Eduardo_Correa » 30 Dez 2017, 13:12

Tiago Reis escreveu:Chegando pra acompanhar
Seja bem vindo Tiago.

Enviado de meu Moto G (5) usando Tapatalk

Avatar do usuário
Eduardo_Correa
Membro
Mensagens: 252
Registrado em: 22 Ago 2017, 13:28
Nome: Eduardo Correa

Re: RE: Re: Polikarpov I-153 Chaika - Revell - 1:72

Mensagempor Eduardo_Correa » 30 Dez 2017, 13:24

Eduardo José escreveu:Não conhecia esse biplano soviético. Muito interessante. Apesar de pequeno, tem cara de que vai dar bastante trabalho (não sei se fica no "level três" não).
Boa montagem!
Seja bem vindo!

Eu acho que justo por ser pequeno é que vai dar trabalho... Espero dar conta do recado...

Enviado de meu Moto G (5) usando Tapatalk

Avatar do usuário
profalexandre
Super Membro
Mensagens: 1045
Registrado em: 04 Out 2016, 08:46
Nome: Alexandre R T Souza
Localização: Campinas
Contato:
 
Troféus:
GT 38 - Luftwaffe - Montagem: Arado Ar 196A-3 Revell 1:72 GT 63 - Porta Aviões - Montagem: USS Enterprise (CVN 65) - Revell - 1:720 GT 72 - BLINDADOS MILITARES SOBRE RODAS - Montagem: SpPz 2 Luchs A1/A2 Revell 1:35
 
GTs em Andamento:
GT 11 - Maquinas Voadoras Russas - Montagem: MIG-21 MF Fishbed J - Academy 1/48

Re: Polikarpov I-153 Chaika - Revell - 1:72

Mensagempor profalexandre » 30 Dez 2017, 14:13

Acompanhando também!
Vai ficar uma mosquinha. Mas bem legal esse biplano.
Imagem

Avatar do usuário
Eduardo_Correa
Membro
Mensagens: 252
Registrado em: 22 Ago 2017, 13:28
Nome: Eduardo Correa

Re: Polikarpov I-153 Chaika - Revell - 1:72

Mensagempor Eduardo_Correa » 31 Dez 2017, 06:28

profalexandre escreveu:Acompanhando também!
Vai ficar uma mosquinha. Mas bem legal esse biplano.

Seja bem vindo Professor, é um prazer telo aqui!

Avatar do usuário
Eduardo_Correa
Membro
Mensagens: 252
Registrado em: 22 Ago 2017, 13:28
Nome: Eduardo Correa

Re: Polikarpov I-153 Chaika - Revell - 1:72

Mensagempor Eduardo_Correa » 02 Jan 2018, 15:26

Iniciado os trabalhos...

Início, claro, pela cabine, se é que isso pode ser chamado de cabine. Imagem

Não tirei fotos mas apliquei primer em diversas peças como o interior da fuselagem, assento, armamentos, tem de pouso, motor.. em seguida pintei com cinza a maioria das peças acima.

O assento apresenta uma marca de injeção bem chata.
Imagem

Pra resolver, já que o avião tem Carlinha aberta e a marca ficaria aparente, resolvi fazer uma almofada. Usei uma fita crepe 4mm e fiz um pequeno rolinho amassado. Pintei de marrom e, como já estava com a mão na massa, resolvi fazer também cintos de segurança. (Já dá pra ver que o modelista aqui tá ficando abusado )
ImagemImagem

Feito isso, um dry-fit. Encaixes bons, algumas emendas vai precisar de massa, mas acho que consigo resolver.
ImagemImagemImagem

Já nesta junção da asa superior com a fuselagem, não sei muito bem como vou fazer. O problema é que eu tinha pensado em pintar primeiro e depois colar a asa superior, pois não sei como fazer para pintar com a asa já no lugar. Se alguém tiver uma sugestão, é muito bem vinda...
Imagem

Enviado de meu Moto G (5) usando Tapatalk

Avatar do usuário
Andre L B Ferro
Super Membro
Mensagens: 8638
Registrado em: 08 Jun 2012, 12:17
Nome: Andre Ferro
Localização: Santos/SP - BRASIL
Contato:
 
Troféus:
GT 00 - Viva a Liberdade - Montagem: Arado Ar-196 A2/A3  - Airfix - 1/72 GT 02 - F4 Phantom - Montagem: Phantom F4-J da USNavy - Monogram - 1/72 GT 03 - P-51 Mustang - Montagem: P-51D "Tuskegee Airmen" - Academy - 1/72 GT 04 - Aviação Militar Brasileira - Montagem: MB-326/AT-26 Xavante da FAB - 1:72 - Italeri GT 04 - Aviação Militar Brasileira - Montagem: P-47D da FAB "A4" - Academy - 1/72 GT 04 - Aviação Militar Brasileira - Montagem: F5E "4865" da 1°/14° GAV Base de Canoas - Italeri - 1/72 GT 04 - Aviação Militar Brasileira - Montagem: F-80C "Esq. PACAU" - Airfix - 1/72 GT 04 - Aviação Militar Brasileira - Montagem: Mirage III EBR - HTC+Heller - 1/72 GT 09 - Century Series - Montagem: F-104G Starfighter WTD 61 "Last Flight" - AMT - 1/72 GT 11 - Maquinas Voadoras Russas - Montagem: Mig-15 UTI Alemanha Oriental - KP - 1/72 GT 11 - Maquinas Voadoras Russas - Montagem: Mig-29 "Fulcrum" - Italeri - 1/72 GT 11 - Maquinas Voadoras Russas - Montagem: Mig-21MF 'Fishbed J' - Academy - 1/48 GT 11 - Maquinas Voadoras Russas - Montagem: LaGG-3 Series 1-4 - 1/48 - ICM GT 12 - Navy - Montagem: F4F-4 Wildcat - Hobbyboss - 1/72 GT 12 - Navy - Montagem: Mitsubishi A6M5 Zero - Academy - 1/72 GT 12 - Navy - Montagem: Grumman F6F5 "Hellcat" USNavy - Hobbyboss - 1/72 GT 16 - Debaixo D'agua - Montagem: U-Boat type IXB - Hobbyboss - 1/700 GT 19 - Israeli Air Force - IAF - Montagem: F-16A "Netz" - Airfix - 1/72 GT 19 - Israeli Air Force - IAF - Montagem: IAI Kfir C7 - Italeri - 1/72 GT 21 - Capturados - Montagem: A6M2 Zero - Hasegawa - 1/72 - Capturado pelos Americanos GT 22 - Helicópteros - Montagem: Kamov Ka-27 - Zvezda - 1/72 GT 24 - Batalha da Inglaterra - Montagem: Hawker Hurricane Mk I - Airfix - 1/48 GT 25 - Rivais Históricos - Montagem: F-86F Sabre (Academy - 1/72) X Mig-15Bis (Tamiya - 1/48) GT 32 - Tornado - Montagem: Tornado IDS Marineflieger - 1/72 - Italeri GT 36 - Marines - Montagem: Mc Donnell Douglas F/A-18A Hornet - AMT - 1/72 GT 38 - Luftwaffe - Montagem: Ju-87G Stuka "Tank Buster" - Academy - 1/72 GT 40 - Royal Air Force (RAF) - Montagem: Hawker Tempest V - Academy - 1/72 GT 46 - Guerra ao Terror - Montagem: A7-E Corsair II - Hobby Boss - 1/72 GT 46 - Guerra ao Terror - Montagem: Hawker Siddley Buccaneer S2B - Operação Desert Storm - 1/72 - Airfix GT 49 - Pinturas e Camuflagens 'What if?' - Montagem: Mig-21 Força Aérea Portuguesa - 1/72 - Hasegawa GT 53 - Pacific - Montagem: Aichi D3A1 "VAL" - Airfix - 1/72
 
GTs em Andamento:
GT 11 - Maquinas Voadoras Russas - Montagem: Hawker Hurricane MkIIb - Revell - 1/72 GT 29 - Bombardeiros - Montagem: B-24J Liberator "The Dragon & his tail" - Academy/MiniCraft  - 1/72 GT 35 - Stealth (Modo Furtivo) - Montagem: F117A Stealth - Academy - 1/72 GT 38 - Luftwaffe - Montagem: Junkers Ju-88A-4 - Airfix - 1/72 GT 38 - Luftwaffe - Montagem: Messerschmitt Bf-110 C/D - 1/72 - Fujimi GT 38 - Luftwaffe - Montagem: Junkers Ju-52 "Tante Ju" - Italeri - 1/72 GT 40 - Royal Air Force (RAF) - Montagem: EE Lightning F2A - Airfix - 1/72 GT 40 - Royal Air Force (RAF) - Montagem: BAe Harrier Mk3 "Falklands" - Italeri - 1/72 GT 46 - Guerra ao Terror - Montagem: Panavia Tornado IDS Desert Storm - 1/72 - Italeri GT 47 - Vietnam War - Montagem: Mig-17F Fresco C - 1/48 - Hobby Boss GT 47 - Vietnam War - Montagem: Douglas A-1J Skyraider USAF  - 1/48 - Tamiya GT 47 - Vietnam War - Montagem: Mig-21PFM - 1/48 - Eduard (profipack) GT 47 - Vietnam War - Montagem: F-4C Phantom - 1/48 - Monogram GT 47 - Vietnam War - Montagem: F-105G Thunderchief 'Wild Weasel' - Hobyboss - 1/48 GT 49 - Pinturas e Camuflagens 'What if?' - Montagem: Dassault Rafale C - 1/72 - Hobby Boss GT 49 - Pinturas e Camuflagens 'What if?' - Montagem: F/A-18E Super Hornet Marinha do Brasil - Italeri - 1/72 GT 49 - Pinturas e Camuflagens 'What if?' - Montagem: [GT 49] Saab JAS 39 Gripen - FAB - Italeri - 1/72 GT 50 - The Fifties - Montagem: [GT 50] F-84E/G Thunderjet - Academy - 1/72 GT 53 - Pacific - Montagem: Curtiss SB2C Helldiver - Airfix - 1/72 GT 55 - Harrier - Montagem: AV-8A Harrier 'Matador' - Airfix 1/72 GT 57 - BF-109 Aces - Montagem: Bf-109G-14 - Academy - 1/48 GT 58 - Aces High - Montagem: P-47D (Francis Gabresski) - Revel/Estrela - 1/48 GT 61 - Anos 60 - Montagem: Douglas RB-66B 'Destroyer' - Italeri - 1:72 GT 62 - Vought F4 Corsair - Montagem: F4U Corsair - Armada Argentina - Academy - 1/48 GT 65 - F-14 Tomcat - Montagem: F-14A Jolly Rogers - Academy - 1/72 GT 69 - Piores Goiabas Possíveis - Montagem: De Havilland SEA VIXEN F.A.W. 2 - Eastern Express - 1/72 GT 73 - F-16 Viper - Montagem: F-16B 'Europe One' Camo - ESCi - 1/72

Re: Polikarpov I-153 Chaika - Revell - 1:72

Mensagempor Andre L B Ferro » 02 Jan 2018, 16:12

Nota mental: Jamais montar biplanos! hehehehehehe :mrgreen: :mrgreen:
Mas já tenho um Fiat CR42 Italiano aqui.... :chorando: :chorando: :chorando:
Abçs
André

No momento a Bancada está ......

Imagem

Avatar do usuário
Rafael Guerra
Super Membro
Mensagens: 3597
Registrado em: 14 Abr 2013, 19:54
Nome: Rafael Guerra

Re: Polikarpov I-153 Chaika - Revell - 1:72

Mensagempor Rafael Guerra » 02 Jan 2018, 19:54

Oi Eduardo,
Você chegou a olhar alguma referência se de fato não havia uma linha nesse local? Imagino que esse avião devia ser revestido por tecido, né?
Talvez pintar antes seja a melhor solução mesmo.
Eu costumo pesquisar montagens similares no YouTube quando tenho encrencas assim. Vai que alguém já passou por isso é registrou...
Boa sorte com a montagem!


Enviado do meu iPhone usando Tapatalk
Rafael Guerra


Voltar para “GT 11 - Máquinas Voadoras Russas”

Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Fernando Manfio, jean paes e 2 visitantes